Festival Sérvulo Esmeraldo 90 anos será aberto às 19h de ontem (30) na URCA

ANO CULTURAL SÉRVULO ESMERALDO CULMINA COM FESTIVAL NO CRATO

Em celebração aos 90 anos do artista, serão realizados cursos, oficina, residências artísticas e exposições

Em reconhecimento ao legado do artista nascido no Crato em 1929, o Governo do Estado do Ceará instituiu em 2019, por medida de Lei, o Ano Cultural Sérvulo Esmeraldo, comemorativo aos seus 90 Anos. Para marcar a data e homenagear a cidade natal do artista, o Instituto Sérvulo Esmeraldo realiza no Crato, em parceria com a Universidade Regional do Cariri (URCA), através da Pró-Reitoria de Extensão, o Festival Sérvulo Esmeraldo 90 Anos, que será realizado de 30/10 a 30/11.

Com curadoria de Dodora Guimarães e Marcus de Lontra Costa, o Festival promove no Crato uma programação que inclui cursos, oficinas, residências artísticas e exposições com grandes nomes da arte no Brasil. As atividades serão centradas na formação artística e gratuitas, sendo acessíveis a todos os públicos.

images/stories/festival srvulo esmeraldo 2.jpg“Visando contribuir para o fortalecimento do meio cultural no âmbito das Artes Visuais no Crato e em toda a Região do Cariri, com ênfase na importância da informação, do conhecimento e do intercâmbio cultural, o Festival Sérvulo Esmeraldo 90 Anos quer movimentar a cena local de forma dinâmica e consequente”, afirma a curadora e presidente do Instituto Sérvulo Esmeraldo, Dodora Guimarães, idealizadora do evento.

O Festival é uma realização do Instituto Sérvulo Esmeraldo, em parceria com a Universidade Regional do Cariri (URCA) e Instituto Cultural do Cariri (ICC), com o apoio institucional do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura do Estado – Secult, e da Prefeitura do Crato, com agradecimentos à Enel.

 

Exposição Babinski

Os visitantes do Festival Sérvulo Esmeraldo 90 anos poderão percorrer uma exposição inédita e antológica para reconhecer e festejar a presença de Maciej Babinski, artista nascido na Polônia (Varsóvia, 1931), que adotou o Cariri cearense há 27 anos – não como refúgio, mas como campo de expansão para a sua vida e para o exercício da arte com a maior liberdade possível.

Com residência e atelier em Várzea Alegre, o artista das filigranas agigantou-se no sertão do Cariri. Integrante de uma geração de artistas, cada vez mais rara, de sólida cultura e de domínio do métier, Babinski é um mestre reconhecido também por ter colaborado para a formação de importantes artistas brasileiros. Com curadoria de Dodora Guimarães, a exposição reunirá obras entre desenhos, gravuras e pinturas, realizadas entre 1967 e 2019.

 

Residências Artísticas

Durante o Festival, os artistas residentes irão vivenciar o celeiro cultural que é o Cariri cearense, cada um com turmas de artistas inscritos e selecionados para a experiência, de 31/10 a 07/11. As residências artísticas têm à frente as artistas visuais com trabalhos colaborativos Rochelle Costi e Mônica Nador e o fotógrafo Gentil Barreira – que fotografou e acompanhou Sérvulo Esmeraldo por mais de 30 anos. Serão dias de imersão e compartilhamento que resultarão em uma exposição coletiva, com curadoria de Marcus Lontra Costa e Dodora Guimarães, na URCA – Campus Pimenta.

 

Cursos e oficina

Marcus de Lontra realiza a Leitura de Portfólios. O curador do Prêmio Indústria Nacional Marcantônio Vilaça para as Artes Plásticas vai analisar os portfólios dos artistas visuais da Região, compartilhando saberes e experiência de mais de 40 anos de trabalho em museus e instituições culturais do país.

Ele também ministra o curso “Pesquisa, Curadoria, Exposições”, voltado para artistas, estudantes de arte, gestores e agentes culturais, buscando apoiar a formação de profissionais comprometidos com a realidade contemporânea, com as intersecções da arte com as esferas culturais, e com a produção de exposições como instrumento de reflexão e transformação do mundo.

Já o artista plástico educador Paulo Portella Filho, por sua vez, realiza a Oficina Preparatória para Professores de Arte e em geral do Ensino Fundamental, que estejam em sala de aula. A oficina visa a sensibilização dos alunos para melhor aproveitamento das duas exposições apresentadas pelo projeto.

 

Programação Paralela

A URCA promove uma série de atividades abertas ao público durante o Festival Sérvulo Esmeraldo 90 anos. No dia 14, às 14h, o Centro das Artes sedia uma sessão do projeto Cinemaria, cineclube que envolve professores e alunos de artes e a comunidade em geral.

Uma mesa-redonda sobre “O Crato de Sérvulo” reúne José Flávio Vieira, Humberto Cabral e Napoleão Tavares Neves. Essa acontece no dia 28/11, às 19h, no Instituto Cultural do Cariri (ICC).

Juntamente com a Secult, a universidade também promove exibições do documentário “Sérvulo Esmeraldo – O Espaço no Infinito”, durante o período do festival, nos municípios do Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha. O calendário de exibições e os locais serão divulgados paulatinamente nas redes sociais do Instituto.

Também está prevista uma Vivência Estética Compositiva com André Moraes e Carolina Mapurunga, na Comunidade do Gesso, nos dias 29 e 30 de novembro.

images/stories/festival srvulo esmeraldo 3.jpg

SERVIÇO FESTIVAL SÉRVULO ESMERALDO 90 ANOS

DATA: De 30/10 a 30/11/2019

LOCAL: Crato/CE

Mais informações: Instagram @institutoservuloesmeraldo/ Facebook https://www.facebook.com/institutoservuloesmeraldo/

PROGRAMAÇÃO

30 de outubro: 16 horas

Encontro geral Curso, Oficina e Residências com selecionado(a)s

Abertura Oficial: 30 de outubro, 19 horas

Período: 30 de outubro a 07 de novembro de 2019

Curso Leitura de Portfólio e Pesquisa, Curadoria e Exposições – com o crítico e curador Marcus de Lontra Costa; Oficinas Preparatórias para Professores de Artes do Ensino Fundamental – com o artista educador Paulo Portella Filho; Residências Artísticas com Gentil Barreira, Monica Nador e Rochelle Costi

Abertura Exposições: 07 de novembro, 19 horas

Coletiva Conclusiva das Residências Artísticas com os Artistas Participantes.

Maciej Babinski: Desenhos, Gravuras e Pinturas (1961 – 2019)

Período das Exposições na URCA, Campus Pimenta: 07 a 30 de novembro de 2019

Visitação: segunda a sexta, das 08h às 12; das 14h às 16h; e das 18h às 22h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *